webJudaica.Com.Br
Seu portal Judaico na Internet
24/Sep/2017
Tishrei 4, 5778

Sign in with Facebook

Festas Judaicas (Chaguim)

Sucot

Informações sobre Sucot

Como reage uma pessoa depois de ganhar um juízo importante? A maioria vai celebrar, comendo, bebendo e desfrutando da companhia de seus amigos. Os judeus não! Em Iom Kipur fomos julgados por nossas ações durante todo o ano. Qual a primeira coisa que fazemos quando termina Kipur? Começamos com as mitzvot de construir uma sucá, comprar lulav e etrog e nos preparar para a festividade que se aproxima. Somente quando finalmente chega Sucot é que começamos a nos divertir, e então o fazemos de acordo com as leis da festa.

Por que Sucot é no Outono?

Uma razão pela qual celebramos Sucot é para recordar que HaShem nos tirou de Mitzraim (Egito) e nos fez nos estabelecermos no deserto, em cabanas temporárias. Isto se sucedeu em Nissan, o mês de Pessach. Por que então Sucot é no outono, no mês de Tishrei? Uma razão é que todos devem se dar conta que estamos construindo a sucá pela mitzvá, e não simplesmente para nos refrescarmos numa gostosa sucá. Na primavera, a maioria das pessoas passa o tempo fora de suas casas, especialmente se vivem em locais abertos. Ninguém prestaria atenção ao fato de os judeus estarem sentados em sucot. No outono, o clima é mais frio e as pessoas voltam a ficar em suas casa. É então que nós saímos para nossas sucot, cumprindo esta mizvá somente porque HaShem nos ordenou.

Conheçam Nossos Convidados

Quando saímos de nossas casas e entramos na sucá somente para agradar a HaShem, merecemos receber a Sua presença em nossas sucot. Junto com HaShem, sete de Seus leais "pastores" vêm como convidados a nossa Sucá. São chamados Ushpizin, que significa 'convidados'. Quem são eles? Avraham, Itzchak, Yaacov, Yossef, Moshé, Aharon e David. Cada dia, um diferente se encontra a frente, e os demais o acompanham.

Os judeus sefaradim tem um costume único para os Ushpizin: preparam um prato especial na sucá, e põem sobre ele uma bonita cobertura. Sobre ela, colocam-se livros sagrados, em honra ao convidado especial do dia.

O Amor Pelas Mitzvot

Certa vez, quatro de nossos sábios estavam viajando em um barco para cumprir uma missão importante. Eram eles Raban Gamliel, Rabi Yehoshua, Rabi Elazar Ben Azaria e Rabi Akiva. Estava quase impossível encontrarem lulav e etrog, mas de todas as maneiras eles tentaram. Raban Gamliel era rico, e pôde comprar um etrog e um lulav por mil zuzim (uma quantia enorme para a época!). Dividiu eles com seus companheiros de viagem, para que todos pudessem cumprir a mitzvá. Isto mostrá quão importante era esta mitzvá para nossos grandes líderes.

Imaginem só

Quando uma pessoa segura um lulav, é como se tivesse cumprido toda a Torá desde o princípio até o final. Como? A primeira letra da Torá é "Beit", a última é "Lamed". A primeira letra do livro dos Profetas é "Vav" e a última letra do livro Ketuvim é "Lamed". Estas letras formam Lulav! Dentro da palavra Lulav está contida toda a Torá.

Por que?
Uma pessoa carrega o lulav, etrog, hadas e aravá quando ao cumprir a mitzvá, e, apesar disso, quando recita a brachá diz somente: "... por segurar o lulav". Por que não se mencionam as outras espécies? Pois o lulav é o rei de todas as árvores e frutos comestíveis.

Fonte: JudaicaSite